Rosh Hashaná: ACoroação do Criador do Universo

“Reina, Oh Eterno, sobre todo o universo!”

QUANTO Rosh Hashaná: ACoroação do Criador do Universo “Reina, Oh Eterno, sobre todo o universo!” Um dos aspectos mais importantes de Rosh Hashaná representa o tempo da Coroação do Ser Supremo, Rei de Israel e do universo. O caráter deste dia é marcado por esta súplica que formulamos do fundo do coração: “Reina, Oh Eterno, sobre todo o universo!” Uma requisição assim implica que estejamos prontos para colocar-nos em um nível apropriado para a Coroação Divina. Quer dizer um estado de submissão total ao Rei, tal que a própria essência do indivíduo e tudo o que ele possui pertence ao Rei sozinho. Este é o verdadeiro conceito de “aceitação do jugo da Realeza de D’us”, que deve se expressar em cada detalhe da vida quotidiana. A cabeça do ano O dia de Rosh Hashana, é o dia do aniversário do homem. D´us criou o primeiro homem, Adam Harishon (Adão). No mesmo dia que foi criado, Adão convocou todas as criaturas para se prosternarem e aceitarem a Majestade Divina, que D´us é Dono e Rei do universo. Rosh Hashana é por um lado o Dia do Julgamento para a humanidade assim como para o mundo em geral, o qual foi criado para o homem, afim que este o conquiste e o governe. Por outro lado, É o dia da coroação, quando os Judeus proclamam a soberania de D´us, Rei do povo Judeu e do universo. Hoje em dia, revivemos este momento através do toque do Schofar, e das orações do dia de Rosh Hashana. Como estamos no final do ano, próximos do dia do ano novo, desejamos que neste dia, cada judeu na comunidade se conscientize da importância deste conceito, e se recoloque em questão em relação a ele. Que se despertem e façam uma auto-análise, que sigam o judaísmo e abram os olhos através do estudo e do cumprimento diário dos preceitos da Torá, vivenciando cada um individualmente, de acordo com suas possibilidades, sabendo que isto trará união na comunidade, melhorando a vida judaica como um todo. Que seja pra já a vinda do Moshiah! e, enfim, desejamos a todos, e todo o povo judeu, um Shaná Tová Umetucá, (ano bom e doce), e Ketivá Vehatimá Tová (que seja escrito e assinado no livro de coisas boas e no livro dos justos) material, física, espiritual e moralmente, Amém.