O mês de Sivan

O MÊS DE SIVAN
Terceiro mês do verão (em cima do equador), Sivan é o mês do dom da Torá. A Torá é especificamente ligada (relacionada) ao número três. Ela é de fato “uma luz tripla”, dada a um povo triplo, no terceiro mês, por aquele que era o terceiro filho”. Além do mais, Sivan está relacionado ao mês de Kislev, terceiro mês do inverno, aquele do dom da parte profunda da Torá.
A Chassidut destaca a importância do número três. De fato, o número um não traz a possibilidade da controvérsia. Desde então, nada pode presumir do que será seu descendente. O número dois representa precisamente este antagonismo, que surgiu e que nada permite resolver. Depois, o número três introduz o novo elemento, aquele que é capaz de reconciliar os dois precedentes. A unidade assim restabelecida é muito mais forte. Tendo sido contestada depois confirmada, ela não pode no futuro ser questionada.

O Rabbi Shlita, de maneira geral tem o costume de receber em Yechidut os convidados que vieram passar a festa de Shavuot com ele.

O mês de Sivan